Blog

O que os pais podem fazer para auxiliar os filhos com sobrepeso ou obesidade

A obesidade infantil é definitivamente um grande problema de saúde. Recentes estudos mostram a associação entre crianças obesas ou com sobrepeso com obesidade na vida adulta - esse risco pode chegar a 20% de se tornar obeso até os 35 anos.


Se a obesidade no adulto já é uma condição difícil de ser abordada, nas crianças é definitivamente mais desafiador, inclusive para os pais.


Abaixo listamos algumas dicas para os pais em como lidar com o problema:


Pratique a "alimentação responsiva"

Crie o hábito da criança somente se alimentar quando efetivamente estiver com fome, e não como "compensação" quando a criança estiver entendiada por exemplo.


Busque adotar um padrão saudável na dieta de toda a família

O que significa dieta saudável? Uma dieta que tenha porções diárias de vegetais e frutas, onde as mesmas ocupem metade do prato, cereais integrais, proteínas magras e evitar ao máximo todo tipo de comida industrializada.


Utilize porções saudáveis

Lembrar de fazer sempre porções pequenas! Evite sucos de frutas. Excepcionalmente pode ser ofertado algum doce ou sobremesa, mas realmente de exceção. Tenha atenção aos hábitos de algumas crianças de comerem um lanchinho antes de dormir - muitas vezes isso não é fome, mas sim um hábito que deve ser mudado.


Faça seu filho ficar mais ativo

Comprometa-se em conseguir que seu filho tenha pelo menos uma hora de atividade física recreativa por dia. Não precisa ser efetivamente algum esporte - caminhada, brincadeiras no pátio, andar de bicicleta, dança, qualquer coisa que seu filho fique motivado e fique ativo por pelo menos uma hora por dia.


Conheça o peso saudável do seu filho

Busque orientação com o pediatra do seu filho sobre a faixa de peso saudável para seu filho. Há calculadoras na internet que também você pode utilizar.


O que não fazer com seu filho?


Não se sinta desanimado com progresso

Idas e vindas no processo de perda de peso é normal. Não deixe que isso o desanime. Com paciência e persistência e seguindo as dicas acima você vai conseguir a médio e longo prazo que seu filho chegue ao peso adequado.


Não exagere

Crianças estão em fase de crescimento e não podem estar em dietas restritivas. O melhor caminho é uma alimentação saudável, balanceada somada a doses generosas de paciência e amor.